segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Chegando ao fim...


vou desenrolar o que devia ter sido desenrolado mais vezes.
Mil e um dias passam mais rápido do que se julga. É certo que há momentos num dia em que o tempo parece não andar para a frente (ele anda?) e outros momentos em que voa (voará?). E eis que estamos prestes a chegar à data de 28 de Setembro de 2013.

Escolhi coisinhas com piada... coisinhas com as quais poderia aprender algo, retirar algum prazer... e outras que não serviam para absolutamente nada, apenas para pura distracção e sem aprender fosse o que fosse.

Abri uma página no facebook e tentei escrever muito... mas algo se apodera da maioria das pessoas que inicia este projecto. Chama-se preguiça. Volta e meia há algum esquecimento, admito, mas a preguiça está num primeiro lugar muito avançado.

Acho que consegui convencer alguém a realizar também o seu 1001 dias, todavia não sei como está a decorrer. Melhor que o meu, espero!!

Participei em alguns passatempos e acho que posso dizer que ganhei cerca de 1/3, o que não é mau. Bolachas, trolley, livros, DVD, bolsa, ... Se a felicidade se traduzisse em ganhar passatempos, oh oh
Acabei com os blogues profissional e musical. Já não há razão de ser. Não estava a sentir gosto no que estava a fazer. E se não estamos a sentir que gostamos, mais vale parar. E assim o fiz. Ninguém morre por isso.

Gravei um vídeo e fiz um upload. Gostei bastante do vídeo que fiz. Não sou uma expert, longe disso, mas acho que foi algo com bom gosto apesar da maioria estar a marimbar-se.
Inscrevi-me no postcrossing e enviei uma carta. Devia ter recebido um postal de Natal, mas não recebi. Herege...

Mantive a Farmville e a Cityville activas... mas vou encerrá-las. A vontade de brincar esmoreceu e já não dá pica. Sim, porque isto dá pica no início! Como não é um projecto que altere a minha vida, quer o jogue ou não, o melhor é mesmo encerrar.

Submeti fotografias num site. Não são nada de especial, mas eu acho-as bonitas. Com a máquina que tenho, que não é nada xpto, não daria para fazer melhor. Acrescento que não tenho nenhum curso de fotografia, por isso acredito que apenas eu as considero lindas e a roçar obra de arte!

O grupo "Nós, as mulheres" é um grupo que começou pequeno e vai crescendo devagarinho. Já passou os 240 membros. Wow! Todo um feito! Bem, por acaso até é... eu acho-lhe piada. 

Passei material da escola para a DropBox... uma segurança! Já perdi material de disco externo, por isso agora estou salva! Bem, pelo menos no que concerne a matéria do 3º ciclo. Todavia, é uma tarefa que será contínua... Novas matérias, novas migrações. O mesmo em relação ao caderno virtual de receitas. Acrescento sempre novas, por isso... Já que estou numa de tarefas contínuas, o mesmo sucede no que concerne à agenda e às estantes. Há sempre qualquer coisa que dou, troco ou tiro. Os calendários... não vale a pena. Fica para depois. Tenho que arranjar um dossier decente para não andarem perdidos. Sim, tive 1001 dias, mas não estive inspirada. A falta de inspiração alastrou-se à lista de DVD's, CD's e livros. 

A Europa está muuuuuuuuito grande. Saber as capitais de 10 chega, não chega? 

Informaticamente falando, aprendi a colocar imagem dentro de letra e detalhe colorido numa imagem a preto e branco. São coisinhas diferentes que até podem dar jeito se quiser criar algo personalizado. Ou então não. Obrigada youtube pelas explicações.

Cinco constelações e dez árvores diferentes... no comments. Ok, eu comento! Gosto de astronomia e floresta, mas não cheguei às cinco constelações e às dez árvores. Mais mil e um dias e cumpro. 

Não aprendi a andar de bicicleta e não aprendi a nadar. E sim, tenho 33 anos. Não tenho bicicleta e tenho que saber se me posso inscrever na natação e continuar na mesma área onde ela existe. Pormenores... 
Fui a uma pequena missa com a Marisa... acho que isso conta. Além disso entrei na Igreja várias vezes para rezar... para sentir calma. 

Não fui a outro país. Só nos meus sonhos. 
Conheci Queijas e Almada, territórios onde fui dar aulas e é isso. Viver em casa dos pais, ter os amigos longe... não motiva muito mais.
Não tirei o passaporte. A minha vida não tem esse tipo de excitação. Ainda...
Não fui a Fátima. A mãe diz sempre que depois vamos todos juntos... entretanto já passaram mais de 2 anos e eu continuo à espera do "vamos todos juntos". Também não voltei à Madeira. Dito isto, não andei de avião. Também não andei de mota, mas andei de barco... Sodré-Cacilhas... uuuu.... e de metro, que é sempre sui generis. Ah, e comboio.

O peso... muitas mulheres não revelam o seu peso, mas eu já estou naquela... A grande (e lenta) mudança começou a partir de Setembro de 2012. Passado um ano estou a pesar menos onze quilos. Acho que é uma quantia considerável. As calças tamanho 38 ficam largas e já disse olá ao 36. A pessoa tem que ter força de vontade e um ou mais objectivos. Foi assim...
Ajudou o facto de eu ter recomeçado a caminhar! Isso e comer até satisfazer o meu apetite. Também fiz abdominais, mas esquecia-me sempre um dia ou outro, por isso não os fiz trinta dias seguidos.
Não me inscrevi na natação e no ginásio pelas razões apontadas lá mais acima...

Coca-Cola é o meu refrigerante favorito. Aliás, é o único. No início custa um bocadinho, mas depois a pessoa habitua-se a não beber. Ah... mas quando se bebe de novo... sabe tããããão bem! Fresca, sem limão, é assim que ela sabe bem. Contudo, já bebo muito menos Coca-Cola. A idade não perdoa.

Cortei o cabelo, tentando sempre conseguir apanhá-lo, porque é oleoso e o curto não me fica bem... só na infância é que era agradável à vista. Não fiz tatuagem nem furo na orelha, o que não inviabiliza que o faça no futuro. Estar mesmo fora de casa é outra coisa. Fui maquilhada para um casamento... e achei super profissional, por isso, cumpri! O aparelho também foi retirado... mais vale tarde do que nunca. Longe do perfeito... mas já estou habituada. Teria que partir os maxilares para ficar alguma coisa decente... Bem, ao menos quando sorrio, por muito feio que seja o meu sorriso, é sincero. Acho que isso vale mais que um sorriso bonito e falso. Acho... Ora, o cabelo foi cortado, mas não pintado. O Verão já lhe confere vários tons... Também não usei lentes verdes nem fiz depilação definitiva... quanto mais ir a um SPA... Estas coisas sabem bem quando temos alguém que nos veja, por dentro e por fora, e não estou a falar do médico legista.

Continua...

Sem comentários:

Enviar um comentário